1. Introdução

 O cancro oral é uma doença prevenível quando é associada a fatores de risco e estilos de vida modificáveis, sendo um dos cancros mais prevalentes no mundo.

A agressividade do cancro oral quando tratado tardiamente tem vindo a aumentar a mortalidade. A taxa de sobrevivência está diretamente relacionada com a deteção em estádios precoces da doença, revelando-se desta forma essencial os esforços dos profissionais de saúde para fazer um diagnóstico precoce, com o objetivo não só de diminuir a taxa de incidência, mas também melhorar a esperança de vida de todos aqueles que a desenvolvem.

Assim, a Secretaria Regional da Saúde, em conjunto com o IASAÚDE, IP-RAM e a Ordem dos Médicos Dentistas, implementou através da Portaria n.º 164/2017, de 24 de maio de 2017 o Programa de Intervenção Precoce do Cancro Oral na RAM, abreviadamente designado por PIPCO-RAM, regulamentado pelos Despacho n.º 284/2017, de 11 de julho, na redação dada pelo Despacho n.º 388/2017, de 16 de outubro e pelo Despacho n.º 389/2017, de 16 de outubro, com o objetivo de garantir a deteção do cancro oral o mais precocemente possível, por forma a salvar mais vidas e manter a qualidade de vida dos utentes.

IASAÚDE, IP-RAM

Telefone: 291 212 300

Web
http://iasaude.pt/

E-mail
usi@iasaude.sras.gov-madeira.pt